Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
João Appolinário: o “tubarão” que fundou a Polishop

João Appolinário: o “tubarão” que fundou a Polishop

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

14 Nov 2021 às 10:01 · Última atualização: 14 Nov 2021 · 4 min leitura

Redação EuQueroInvestir

14 Nov 2021 às 10:01 · 4 min leitura
Última atualização: 14 Nov 2021

João Appolinário Polishop

Você certamente já viu na TV ou na internet uma propaganda anunciando um produto revolucionário, moderno e exclusivo da marca Polishop, certo? Então você conhece, mesmo que indiretamente, João Appolinário.

Fundador da empresa que começou com a exibição de rápidos infomerciais nas grades de TVs de menor audiência no fim da década de 1990, Appolinário mostrou ser um verdadeiro “tubarão” do mundo dos negócios. Hoje, comemora o faturamento médio de R$ 1 bilhão por ano, fruto da ideia que muitos consideraram “maluca” na época do lançamento.

Appolinário teve que “nadar” muito até a fama com a Polishop

Antes de dar sequência à história de João Appolinário e da Polishop, vamos abrir um rápido parênteses. Afinal, talvez você que está lendo esse material talvez não esteja entendendo as referências ao tubarão e ao intertítulo afirmando que o empresário teve que nadar muito até alcançar a fama.

O apelido de tubarão veio justamente por conta da participação de Appolinário em um dos programas de TV fechada de maior sucesso no País, o Shark Tank Brasil. Shark é o termo em inglês usado para ilustrar empresários de sucesso, e significa tubarão na tradução simples. Em suas participações no programa, Appolinário afirmou já ter investido cerca de R$ 5 milhões em ideias apresentadas por novos empreendedores em busca de seus sonhos.

E o tubarão, quando entrou no mundo dos negócios, não era mais do que um peixinho (essa é a última analogia, prometemos). O hoje bilionário empresário começou como sócio em uma concessionária de automóveis da família, mas não aguentou dividir o espaço do “aquário” (tudo bem, ESSA é a última) com os outros. E resolveu mudar de ramo.

Aposta arriscada

A vida de João Appolinário começou a mudar quando ele retornou de uma viagem aos Estados Unidos trazendo na bagagem a licença para vender um produto emagrecedor, chamado Seven Day Diet. O item prometia a perda de peso em 7 dias, mas custava caro. Isso não assustou o empresário, que resolveu dobrar a aposta.

Appolinário contratou o ex-campeão de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi para ser o garoto-propaganda do produto, aportou meio milhão de dólares, contratou uma transportadora particular e partiu para o abraço.

“Provei, gostei, funcionava – era sucesso por lá. Perda de peso é uma coisa que todo mundo quer, ainda mais de uma forma rápida e eficiente, com saúde. Não era só uma dieta: era uma reeducação alimentar. Vinha uma fita cassete explicando como respirar melhor, meditar”, lembrou, em entrevista recente para a Forbes.

A aposta arriscada deu certo, e Appolinário vendeu 600 mil kits, faturando R$ 138 milhões. Era tudo o que precisava para seu próximo passo… a Polishop.

O início da Polishop

Em 1999, surgiu a Polishop. O início, como já citamos, foi discreto, com a empresa possuindo um estoque de apenas 30 produtos, e apostando em infomerciais curtos, geralmente em horários alternativos e em TVs com menos audiência.

O segredo do sucesso da empresa, que não tinha como bater de frente com os grandes varejistas, foi fechar acordos com empresas nacionais e importar produtos a preços competitivos. A parceria que mais marcou o início foi a fechada com o ex-campeão mundial de boxe, George Foreman. Alguém, por acaso, não conhece o George Foreman Grill?

Se você não se lembra, aqui vai o texto completo do comercial. Aposto que, se você já ouviu ao menos uma vez, vai ler os parágrafos abaixo com a voz do locutor oficial do Polishop – pois ela é inconfundível.

“Esqueça forninho, frigideira, torradeira e todo esse monte de aparelhos que ficam encostados, e só ocupam lugar na sua cozinha. Apresentamos Multi 360 George Foreman, que substitui todos esses aparelhos. Compacto, poderoso, e com a marca que é sinônimo de grills. O incrível George Foreman dá um show de versatilidade com a chapa e com a grelha. Picanha, linguiça, frangos perfeitos sem fumaça, sem sujeira e muito menos gordura, porque em um George Foreman a gordura sai e o sabor fica”.

O segredo de Appolinário

Em outra entrevista recente, desta vez para o site Amcham Brasil, João Appolinário revelou um dos muitos segredos que o fizeram apostar em histórias de sucesso para construir um empreendimento gigantesco como a Polishop.

Para quem sonha em ter sucesso, segundo o bilionário empresário, a receita é simples. Segundo Appolinário, quem pensa que abrir o próprio negócio é bom porque você “não terá mais patrão”, pode estar cavando um fracasso no futuro. A receita é exatamente pensar o oposto.

“Quando você trabalha para alguém, você tem um patrão. Mas quando você cria um negócio, todos os clientes, fornecedores, investidores e instituições financeiras são patrões”, alertou. Segundo ele, é preciso questionar o que se faz, o que os colaboradores e os concorrentes fazem, e o que você mesmo deveria estar fazendo.

Pelo jeito, a receita de Appolinário, desde os tempos em que ensinou as pessoas a emagrecerem em apenas 7 dias, está correta, não é mesmo.

A retomada das Criptos?
newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias