Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
ICO2: entenda como funciona o Índice Carbono Eficiente

ICO2: entenda como funciona o Índice Carbono Eficiente

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

26 Dez 2021 às 19:00 · Última atualização: 26 Dez 2021 · 2 min leitura

Redação EuQueroInvestir

26 Dez 2021 às 19:00 · 2 min leitura
Última atualização: 26 Dez 2021

ICO2

A preocupação com a temática ambiental é cada vez maior em todos os segmentos da economia, inclusive no mercado financeiro. Nesse contexto, muitos investidores acabam dando maior preferência a ativos de companhias que atendam a critérios de sustentabilidade.

Por conta disso, a B3, em parceria com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), criou um índice para acompanhar o desempenho das companhias preocupadas com o desenvolvimento sustentável: o ICO2.

O que é o ICO2?

O ICO2 é a sigla para “Índice Carbono Eficiente”, ou seja, trata-se de um índice que reúne as empresas negociadas na B3 que promovem as melhores práticas de sustentabilidade e preservação ambiental.

O índice foi criado em 2010 com o propósito de ser um instrumento indutor das discussões sobre mudança do clima no Brasil.

Segundo a B3, ao aderir ao ICO2, a companhia demonstra seu comprometimento com a transparência de suas emissões e antecipa a visão de como está se preparando para uma economia de baixo carbono.

Por se tratar de um índice do mercado financeiro, o ICO2 não pode ser diretamente negociado na Bolsa de Valores.

Contudo, a gestora de ativos BlackRock lançou no mercado o ETF ECOO11 que busca replicar o desempenho e a rentabilidade do índice carbono eficiente. Dessa forma, esse ETF é obrigado a alocar 95% dos seus recursos em ações de empresas que compõem o ICO2.

Vale lembrar que o ECOO11 é considerado um fundo de gestão passiva, visto que sua alocação é feita visando apenas a atingir o resultado do índice.

Como funciona o ICO2?

A partir de 2020, a B3 passou a convidar as companhias do IBrX 100 para a composição da carteira do ICO2. Antes disso era usado como base a lista de empresas que formavam o IBrX-50.

O índice IBrX-100 é formado por 100 ativos de maior negociabilidade e representatividade do mercado de ações.

Mas, além de fazer parte do IBrX-100, é necessário que os ativos que atendam cumulativamente aos seguintes critérios:

  1. Ter aderido formalmente à iniciativa do ICO2;
  2. Reportar dados de seu inventário anual de acordo com o nível de abrangência e prazo definidos pela B3.

Sendo assim, será excluído da carteira os ativos que deixarem de atender a qualquer um dos critérios de inclusão acima mencionados.

Quais empresas compõem o Índice Carbono Eficiente?

Em dezembro de 2021, a composição do ICO2 era dada por 62 ativos de empresas com participações e segmentos diferentes na carteira do índice. Entre as 10 empresas com maior participação no ICO2, estão:

AçãoCódigoPart. (%)
ITAUUNIBANCOITUB48,601
BRADESCOBBDC47,801
B3B3SA35,676
AMBEV S/AABEV35,569
BRASILBBAS34,119
WEGWEGE34,107
SUZANO S.A.SUZB32,665
PETROBRASPETR42,639
COSANCSAN32,577
BTGP BANCOBPAC112,561

Por fim, vale lembrar que a cada quatro meses é feito o rebalanceamento da carteira, de modo que ativos podem ser incluídos ou excluídos, bem como ter seu peso alterado.

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias