Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
Itaú-Unibanco (ITUB4) lucra R$ 7,1 bilhões no 4TRI21, alta de 32%

Itaú-Unibanco (ITUB4) lucra R$ 7,1 bilhões no 4TRI21, alta de 32%

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

10 Fev 2022 às 23:09 · Última atualização: 10 Fev 2022 · 3 min leitura

Redação EuQueroInvestir

10 Fev 2022 às 23:09 · 3 min leitura
Última atualização: 10 Fev 2022

itaú

O Itaú-Unibanco (ITUB4) reportou lucro recorrente gerencial de R$ 7,159 bilhões no quarto trimestre de 2021. Assim, houve alta de 32,9% frente aos R$ 5,388 bilhões reportados no balanço do 4TRI20.

Entretanto, no consolidado anual o banco apresentou alta de 44,8%. O lucro líquido recorrente foi de R$ 18,5 bilhões em 2020 e de R$ 26,879 bilhões em 2021.

Com a alta dos lucros, a rentabilidade sobre o patrimônio (ROAE) do banco cresceu de 14,5% para 19,3% no ano passado. No 4TRI21, o retorno foi de 20,2%.

Outro destaque foi a carteira de crédito do Itaú, que superou R$ 1 trilhão ao final de 2021.

Veja aqui o balanço do 4TRI21.

Itaú (ITUB4): principais números do balanço do 4TRI21

Lucro líquido

  • Lucro 4TRI21: R$ 7,159 bilhões
  • Lucro 4TRI20: R$ 5,388 bilhões

Receita com produtos bancários

  • Receita 4TRI21: R$ 33,4 bilhões
  • Receita 4TRI20: R$ 29,1 bilhões

Receitas com produtos bancários sobem 14%

As receitas com produtos bancários do Itaú somaram R$ 33,4 bilhões no 4TRI21. O valor é 14,6% maior do que os R$ 29,18 bilhões do 4TRI20.

No acumulado de 2021 as receitas fecharam em R$ 125,6 bilhões, 9,4% maior do que os R$ 114,7 bilhões de 2020.

A receita financeira líquida do Itaú aumentou em 15,2% em 2021 em função de maiores receitas com operações de crédito, devido ao efeito positivo do crescimento da carteira, associado com a gradual mudança do mix da carteira para créditos relacionados ao segmento de varejo, com destaque para o crescimento nos últimos meses do ano de 2021 das linhas de crédito como cartão de crédito financiado, cheque especial e crédito pessoal, que são produtos com melhores spreads.

Além disso, segundo o banco, o aumento verificado no decorrer do ano na taxa de juros trouxe um impacto positivo para a remuneração do capital de giro próprio e para a margem de passivos. Esses efeitos positivos foram parcialmente compensados por menores spreads em produtos de crédito.

As receitas com prestação de serviços e resultado de seguros e previdência cresceram 10,8% no comparativo anual. “Esse aumento ocorreu em função do maior faturamento na atividade de emissão de cartões e dos maiores ganhos com assessoria econômico-financeira em função da maior atividade do mercado de capitais. Houve também um aumento de 9,3% em operações de crédito e garantias financeiras prestadas, em razão da retomada da atividade econômica”, explicou o Itaú.

Itaú (ITUB4) tem carteira de crédito recorde

Ao atingir R$ 1 trilhão ao fim de 2021 na carteira de crédito, o Itaú registrou um crescimento de 18,1% no comparativo com 2020. Segundo o banco, houve crescimentos importantes em todas as linhas de negócio no Brasil, com destaque para a carteira de pessoas físicas, que cresceu 30,1%.

A empresa também bateu recordes de produção no crédito imobiliário para pessoas físicas, consolidando o banco como o maior banco privado nesse mercado. Em 2021, originou R$ 46 bilhões, um crescimento de 128% em relação ao ano anterior.

Em comparação com 2020, houve crescimento de 11,0% na originação de crédito no Brasil, sendo 35,8% para pessoas físicas, destaque para as produções recordes nas carteiras de crédito imobiliário e de veículos.

O índice de inadimplência acima de 90 dias do banco ficou em 2,5% em 2021, o que representou um crescimento de 0,2 ponto percentual ante 2020.

Projeções para 2022

No balanço divulgado nesta quinta-feira (10) o Itaú também divulgou projeções para 2022.

O banco quer elevar entre 9% a 12% a carteira total de crédito, e ter entre 3,5% a 6,5% a mais de receita de prestação de serviços e resultados de seguros.

A projeção indica alta de 20,5% a 23,5% na margem financeira com clientes.

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias