Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
Iguatemi (IGTA3): conheça o grupo que foi pioneiro no ramo de shoppings no Brasil

Iguatemi (IGTA3): conheça o grupo que foi pioneiro no ramo de shoppings no Brasil

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

09 Out 2021 às 19:00 · Última atualização: 09 Out 2021 · 6 min leitura

Redação EuQueroInvestir

09 Out 2021 às 19:00 · 6 min leitura
Última atualização: 09 Out 2021

Iguatemi

O pioneirismo em diferentes formas marcou a história do Iguatemi (IGTA3). A empresa, listada na bolsa de valores desde 2007, foi a primeira do segmento a abrir capital.

Hoje, é detentora de uma marca nacionalmente reconhecida, com participação em 14 shoppings, 2 outlets e 3 torres comerciais.

A empresa faz parte do Ibovespa, com participação de 0,12%.

Vamos conhecer melhor a companhia?

História da empresa

A Iguatemi Empresa de Shopping Centers (IGTA3) surgiu como La Fonte Empresa de Shopping Centers em 23 de maio de 1979 como uma sociedade por quotas de responsabilidade limitada, tendo sido transformada em sociedade por ações em 11 de agosto de 1983.

Ela é uma empresa do Grupo Jereissati voltada para o segmento de shopping centers no Brasil, possuindo participação em empreendimentos que geram mais de 4.000 empregos diretos.

Fundada por Carlos Francisco Ribeiro Jereissati, a companhia iniciou as atividades no ramo de shopping centers com a aquisição, em 1979, de todos os ativos da Construtora Alfredo Matias S.A., que incluíam uma participação no Iguatemi São Paulo, o primeiro shopping center do Brasil, construído em 1966.

Nos anos que se seguiram inaugurou diversos projetos greenfield, como parte de sua estratégia de crescimento.

Em fevereiro de 2007, a empresa abriu seu capital na bolsa de valores de São Paulo, captando aproximadamente R$ 550 milhões e tornando-se a primeira companhia de shopping centers a ser listada no Brasil.

Em 2019, lançou sua plataforma Iguatemi 365, e-commerce no formato de marketplace, reunindo, na data do lançamento, mais de 90 marcas em um só lugar. Trata-se de um e-commerce premium, com a curadoria da marca Iguatemi, que hoje é sinônimo de moda e estilo de vida, oferecendo para o cliente de todo o Brasil a experiência Iguatemi 24 horas por dia, 365 dias por ano e, em 2020, de qualquer lugar.

A Jereissati Participações S.A é uma empresa holding, cujas principais receitas advêm da prestação de serviços, da distribuição de dividendos e da equivalência patrimonial de seus investimentos. O segmento de Shopping Centers, representado pela participação na Iguatemi Empresa de Shopping Centers S.A, é o negócio mais expressivo com 51,4% de suas ações.

IGTA3

Modelo de negócios

A IGTA3 é uma das principais empresas full-service de shopping centers do país, em termos de ABL, e detentora da marca mais reconhecida do setor. A empresa possui participações em 14 shopping centers, 2 outlets e 3 torres comerciais, que totalizam aproximadamente 711 mil m² de ABL total.

Os shoppings da Iguatemi são voltados para o público de classes A e B e estão inseridos nos centros comerciais mais desenvolvidos do Brasil (regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste), em localizações privilegiadas nas principais cidades do país. A empresa atua também no desenvolvimento de projetos multiuso, no entorno dos shopping centers, a fim de capturar as sinergias entre os shopping centers e tais empreendimentos.

Os principais shoppings centers – Iguatemi São Paulo, JK Iguatemi, Pátio Higienópolis, Iguatemi Campinas e Iguatemi Porto Alegre – estão entre os 10 maiores aluguéis por metro quadrado do Brasil, entre os concorrentes com capital aberto, sendo que o Iguatemi São Paulo possui o segundo aluguel por m² mais elevado da América Latina, segundo dados de companhias abertas do setor.

Inovações da marca

Pioneiro no segmento de shoppings centers no Brasil, o IGTA3 foi inovador em uma série de projetos:

  • Lançou o conceito de praça de alimentação;
  • Lançou o concierge e serviços inéditos como o personal shopper, valet parking e a marcação de poltronas no cinema;
  • Foi pioneira ao adotar práticas de consumo racional de energia e de outros recursos naturais;
  • Foi a primeira a abrir seu capital e a primeira do setor a ser listada no Novo Mercado da Bolsa de Valores, cumprindo normas rígidas de governança corporativa;
  • Foi pioneira ao incorporar a seus novos projetos o conceito dos “green buildings”;
  • É reconhecidamente formadora de tendências na moda, mas também no setor de gestão de shoppings;
  • Oferece uma academia de capacitação de profissionais, a Academia IESC, com benefícios exclusivos para seus colaboradores;
  • Desenvolve projetos sociais junto a diversas comunidades carentes e investe nas cidades que atua;
  • Investe na cultura, promovendo e patrocinando eventos de fotografia, design, tecnologia, música, artes plásticas, entre outras tantas. É parceira da São Paulo Fashion Week e do portal de moda WGSN.

Os shoppings

  • Iguatemi São Paulo
  • JK Iguatemi
  • Market Place
  • Pátio Higienópolis
  • Iguatemi Alphaville
  • Iguatemi Campinas
  • Galleria
  • Iguatemi Esplanada
  • Iguatemi São Carlos
  • Iguatemi Ribeirão Preto
  • Iguatemi Rio Preto
  • Iguatemi Porto Alegre
  • Praia de Belas
  • Iguatemi Brasília
  • Fashion Outlet Novo Hamburgo
  • Fashion Outlet Santa Catarina
  • Power Center Iguatemi Campinas
  • Torre Market Place Torre I
  • Torre Market Place Torre II
  • Torre Iguatemi Porto Alegre

Iguatemi: Balanço do 2TRI21

Os resultados operacionais e financeiros do Iguatemi (IGTA3) no 2T21 continuaram sendo afetados pela pandemia do Covid-19.

O Iguatemi (IGTA3) registrou lucro líquido seis vezes maior no balanço do segundo trimestre de 2021 (2TRI21) em relação ao mesmo período do ano anterior. O indicador cresceu de R$ 46,4 milhões para R$ 279 milhões.

O segundo trimestre da empresa foi impulsionado pela retomada das operações dos shoppings, após o lockdown imposto em decorrência da segunda ondada pandemia do Covid-19.

A receita líquida do Iguatemi (IGTA3) cresceu 5,8% frente a 2020. Ou seja, passou de R$ 160,9 milhões para R$ 170,3 milhões.

Mas no comparativo pré-Covid, entre 2TRI21 e 2TRI19, as vendas totais no trimestre atingiram R$ 2,7 bilhões do portfólio, e apresentaram uma queda de 21,8% em comparação ao mesmo período de 2019, se excluirmos o efeito das vendas do Iguatemi Caxias e Iguatemi Florianópolis, a queda é de 16,6%.

Versus o segundo trimestre de 2019, as vendas mesmas áreas (SAS) caíram 16,6%. O desempenho das vendas mesmas lojas (SSS) foi de -14,53% no 2T21.

Os aluguéis mesmas áreas (SAR) caíram 7,1%, e os aluguéis mesmas lojas (SSR) aumentaram 2,8%, se comparados ao 2T19.

A companhia atingiu no 2T21 uma Receita Bruta de R$ 228,2 milhões um crescimento de 6,6% versus 2T19. O resultado positivo vem principalmente da linha de aluguel, com crescimento de 15% versus o 2T19 e receita de outros, que cresceu 86,4% versus o 2T19, crescimento puxado pela expansão da I-Retail e do Iguatemi 365, que foi lançado no final de 2019.

Histórico das ações de Iguatemi

Desde o início deste ano as ações de Iguatemi (IGTA3) tiveram uma desvalorização de 7,84%. Assim, passaram de R$ 35,46 no primeiro pregão do ano para R$ 32,68 até 1º de outubro.

IGTA3

Mas analisando-se um período de 5 anos, a situação se inverte. De 7 de outubro de 2016 até 1º de outubro deste ano, as ações de Iguatemi (IGTA3) valorizaram 7,75%. Assim, saíram de R$ 30,33 para R$ 32,68.

Iguatemi (IGTA3)

Por fim, na máxima histórica, a empresa teve valorização de 98,9%. Na época do IPO, em 9 de fevereiro de 2007, as ações da companhia estavam cotadas a R$ 16,43 contra o patamar de R$ 32,68 em 1º de outubro deste ano.

Iguatemi (IGTA3)

Composição acionária da empresa

A maior participação em Iguatemi é da Jereissati Participações, com 50,59%. Carlos Francisco Ribeiro Jereissati detém, como pessoa física, 0,23% das ações da companhia.

Do total de 48,91% de ações em circulação no mercado, há 43.946 investidores pessoa física e 1.064 pessoas jurídicas.

A empresa tem um total de 176.611.578 ações, das quais 85.748.277 estão em circulação no mercado.

A retomada das Criptos?
newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias