Economia
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
Resumo da semana: mercados temem recessão; no Brasil, privatização da Eletrobras e visita de Musk

Resumo da semana: mercados temem recessão; no Brasil, privatização da Eletrobras e visita de Musk

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

20 Mai 2022 às 23:30 · Última atualização: 24 Jun 2022 · 6 min leitura

Redação EuQueroInvestir

20 Mai 2022 às 23:30 · 6 min leitura
Última atualização: 24 Jun 2022

resumo da semana: foto de calendário

Reprodução/Pixabay

O resumo da semana destaca a privatização da Eletrobras (ELET3, ELET6) e a visita de Elon Musk ao Brasil. Mas, por aqui, a semana teve ainda revisão para PIB, inflação e Selic.

No exterior, a semana foi tensa para os mercados, com preocupações quanto à subida de juros, inflação e receio de recessão logo adiante. Confira.

Resumo da semana no Brasil

Eletrobras privatizada

Destaque no resumo da semana, o TCU aprovou, por 7 votos a 1, o processo de privatização da Eletrobras. Esta é a primeira grande estatal a ser negociada durante o governo de Jair Bolsonaro, que tinha como objetivo fazer a oferta de ações até o dia 13. Os planos foram adiados, mas estima-se que o processo aconteça entre os meses de junho e agosto.

FGTS para comprar ações da Eletrobras

Os investidores poderão utilizar até 50% do saldo do FGTS para adquirir ações da empresa, via fundos mútuos de privatização, dispositivo criado em 2000 e usado nas privatizações de Petrobras e Vale. Saiba aqui como.

Elon Musk no Brasil

Destaque no noticiário para o encontro entre o bilionário Elon Musk e o presidente Jair Bolsonaro, na manhã de sexta-feira (20), no interior de São Paulo.

“Contamos com Musk para que a Amazônia seja conhecida por todos. Vamos mostrar como essa região é preservada por nós”, afirmou o presidente ao sair do encontro.

Frame de vídeo mostra em mesa o presiidente Jair Bolsonaro, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, e o investidor Elon Musk.

Nova projeção para inflação

O Ministério divulgou o Boletim Macrofiscal, com estimativas para o PIB e a inflação.

O IPCA de 2022 foi revisto de 6,55% de março para 7,9% em maio. O de 2023, de 3,25% para 3,6%.

A expectativa de crescimento do PIB continuou em 1,5%, mesma projeção feita em março. Para 2023, a projeção é de alta de 2,5%.

tabela com projeções do BoletimResumo da semana: BC ainda não vai reverter ciclo de alta da Selic

O diretor de política monetária do BC, Bruno Serra, afirmou que acredita que o cenário de combate à inflação no Brasil deve ficar mais positivo nos próximos meses, mas que ainda é cedo para reverter o atual ciclo contracionista de alta da Selic, a taxa básica de juros.

Selic foi elevada para 12,75% ao ano no começo de maio e deve subir mais meio ponto, para 13,25%, na próxima decisão do Copom, em 15 de junho.

EQI Asset revisa PIB de 0,6% para 1,8%; Selic deve alcançar 13,75%

EQI Asset foi uma das casas que revisou, recentemente, a projeção do PIB brasileiro de 2022 para cima: de 0,6% para 1,8%.

A Selic também foi revista: de 13,25% para 13,75%.

Leia também:

Resumo da semana no exterior

China reduz juros de cinco anos

China reduziu os juros de cinco anos de 4,60% para 4,45%. A medida vem como resposta à desaceleração econômica decorrente dos novos lockdowns e traz algum alívio especialmente para as hipotecas.

Jerome Powell: alta dos juros continuará até inflação cair

Durante uma conferência do Wall Street Journal no início da semana, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell disse que não irá hesitar em reduzir a inflação – apesar de mais uma vez colocar a alta de 0,5% de junho como mais provável.

Resumo da semana: Desaceleração nos EUA

Os pedidos semanais de seguro-desemprego nos EUA subiram para 218 mil, ante projeção de 200 mil.

As vendas de moradias usadas nos EUA caíram 2,4% em abril.

E a atividade industrial na Filadélfia, um dos principais estados dos EUA, recuou para 2,6 pontos em maio, ante 17,6% de abril.

Todos esses dados sugerem que a atividade econômica está desacelerando.

McDonald’s (MCDC34) e Google (GOGL34) deixam a Rússia

A rede de fast food McDonald’s (MCDC34) anunciou na última segunda-feira (16) que deixará o mercado russo. Desde a invasão da Ucrânia em fevereiro deste ano, diversas empresas ocidentais deixaram a Rússia.

Agora, empresas americanas estão debandando do país em meio a crescente tensão entre o país de Vladimir Putin e os países membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

A rede de lanchonetes administra diretamente no país mais de 80% dos restaurantes da marca, o que representa 9% do faturamento total da empresa e 3% de seu lucro operacional.

Além disso, outra notícia que surpreendeu a comunidade global foi o anúncio de falência da unidade russa do Google (GOGL34). Um porta-voz da empresa disse que “o confisco das contas bancárias do Google por autoridades russas tornou insustentável o funcionamento do nosso escritório na Rússia, incluindo a empregabilidade de funcionários, pagamento de fornecedores, e outras obrigações financeiras”.

Resumo da semana: Finlândia e Suécia na Otan

Ainda sobre o conflito, ele pode ganhar novos episódios, com a tentativa de entrada na Otan por Finlândia e Suécia. Os dois países pediram formalmente adesão ao bloco, o que depende da aprovação unânime de todos os membros. A Turquia já se mostrou contrária.

A Rússia promete “resposta a qualquer ameaça” dos dois países.

Banco Central Europeu deve subir juros em julho

O Banco Central Europeu (BCE) também segue preocupado com a inflação e seus membros dão sinais de que uma alta de juros deve ocorrer em julho.

A inflação da zona do euro se manteve estável, mas em nível recorde, aos 7,4% em abril, na comparação anual. A expectativa era por 7,5%.

A segunda estimativa para o PIB da zona do euro no primeiro trimestre foi de crescimento de 0,3%, acima da projeção de 0,2%. Na comparação anual, a alta é de 5,1%.

 

inflação anual zona do euro

Inflação na zona do euro. Fonte: Eurostat

Inflação recorde em 40 anos no Reino Unido

No Reino Unido, a inflação chegou a uma alta de 9% em abril, a maior em 40 anos. Para o BC da Inglaterra, a inflação deve chegar a dois dígitos até o quarto trimestre.

Musk e Twitter

Ainda no resumo da semana, seguem as negociações entre Elon Musk e Twitter, depois que o acordo de compra da empresa foi “temporariamente suspenso”.

Em novo episódio, o jurídico do Twitter acusa Musk de violar a confidencialidade sobre bots. O bilionário revelou que o tamanho da amostra para as verificações da rede social sobre usuários automatizados era de 100. O mercado avalia que Musk busca mesmo é renegociar o preço ofertado (de US$ 44 bilhões).

  • Gostou do resumo da semana? Quer saber mais sobre investimentos? Então, preencha o formulário que um assessor da EQI irá entrar em contato!
A retomada das Criptos?
newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias