Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
Jornalista Roberto D’Avila participa da Money Week Cenários 2022

Jornalista Roberto D’Avila participa da Money Week Cenários 2022

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

22 Dez 2021 às 18:01 · Última atualização: 22 Dez 2021 · 2 min leitura

Redação EuQueroInvestir

22 Dez 2021 às 18:01 · 2 min leitura
Última atualização: 22 Dez 2021

Roberto D'Avila

Reprodução/Globo News

Cenários de 2022, a incerteza do futuro incomoda você? Este é o tema da última Money Week de 2021, que ocorre entre os dias 11 a 14 de janeiro de 2022, de maneira totalmente online e gratuita.

Entre os convidados desta edição está o gaúcho Roberto D’Avila, 72 anos, jornalista que, além de atuar como empresário, é apresentador e diretor-geral de seu programa televisivo de entrevistas Conexão Roberto D’Avila, atualmente transmitido pela TB Brasil. Ele é também apresentador do programa Roberto D’Avila, da Globonews. 

Bacharel em Direito, D’Avila é formado pela Universidade de São Paulo (USP) e em História pela Universidade de Paris.

Seu interesse pelo jornalismo iniciou-se quando integrou o Centro de Formação de Jornalistas de Paris. Em 1996, frequentou a Universidade Harvard, como aluno visitante, em Ciências Políticas.

D’Avila na política

Na política, entre diversos cargos importantes, D’Avila foi vice-prefeito do Rio de Janeiro, de 1988 a 1992, e Deputado Federal Constituinte.

Ele iniciou na vida partidária em 1984, pelo PDT, sendo deputado, presidente da Sub-Comissão de Relações Internacionais da Câmara dos Deputados e Membro da Comissão de Ciência e Tecnologia entre 1986 e 1990.

Foi vice-prefeito entre 1988 e 1992 do Rio de Janeiro na gestão de Marcello Alencar.

No estado do Rio de Janeiro foi secretário de Turismo, Esportes e Cultura, em 1989; secretário de Meio Ambiente e Projetos Especiais; presidente do Comitê do Meio Ambiente – Conema; presidente do Conselho Administrativo do Controle de Fundos para o Meio Ambiente; presidente do Comitê para a Defesa Ambiental da Costa; representante no Conselho Nacional do meio ambiente – Conama; responsável pela Conferência das Nações Unidas para o meio Ambiente e Desenvolvimento – Unced, de 1990 a 1994.

Roberto D’Avila: carreira no jornalismo

Sobre o fato de ser envolvido com a política, em entrevista ao Estadão em agosto, ele explicou que passou parte da infância e adolescência no Rio Grande do Sul, “um estado muito politizado”.

“Na minha casa, não era diferente. Sempre me interessei por política. Em 1986, apareceu uma chance histórica e me elegi deputado constituinte com o apoio e a insistência de dois mestres inspiradores: Leonel Brizola e Darcy Ribeiro. Depois, resolvi voltar para o jornalismo, já que o jogo bruto do poder não combinava com o meu temperamento mais apaziguador”, colocou ele na entrevista.

Há mais de 40 anos na TV brasileira, D’Ávila acredita que a dica é falar pouco e deixar o entrevistado desenvolver o assunto. Além disso ele acha que fazer o programa uma vez por semana também evita que as pessoas enjoem dele, como disse em entrevista ao blog Bafafá. 

Entre suas entrevistas mais marcantes, segundo ele mesmo, estão a com o presidente francês François Mitterrand e com Fidel Castro.

Quer conferir as visões de Roberto D’Ávila para 2022? Não deixe de se inscrever na Money Week Clique aqui e faça seu cadastro

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias