Economia
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
CVM vai investigar denúncia de “pirâmide” de criptomoedas na esfera administrativa

CVM vai investigar denúncia de “pirâmide” de criptomoedas na esfera administrativa

Fernando Cesarotti

Fernando Cesarotti

15 Set 2022 às 15:04 · Última atualização: 15 Set 2022 · 2 min leitura

Fernando Cesarotti

15 Set 2022 às 15:04 · 2 min leitura
Última atualização: 15 Set 2022

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) vai realizar uma investigação na esfera administrativa contra o empresário Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como “Faraó dos Bitcoins”, acusado de realizar operações fraudulentas e irregularidades no mercado de capitais brasileiro a partir de ofertas de operações com criptomoedas.

Segundo os jornais O Globo e Valor Econômico, a autarquia teve acesso a dados e provas coletados pela Polícia Federal ao prender o empresário no ano passado, durante a chamada Operação Kryptos.

Santos é acusado de movimentar cerca de R$ 38 bilhões de forma fraudulenta a partir de negócios envolvendo criptoativos. O caso está na esfera criminal da Justiça Federal e denúncias foram feitas à CVM em 2019, mas a autarquia, na época, afirmou que, apesar de ter indícios de pirâmide financeira, o caso não dizia respeito a valores mobiliários, foco de seu escopo de atuação como reguladora do mercado de capitais.

Dados da investigação mostram, no entanto, que parte do dinheiro captado por Santos junto a clientes foi aplicado em criptoativos, o que está no foco da CVM. A abertura de uma investigação administrativa é vista pelo mercado como um sinal de que a autarquia pode passar a investigar com mais afinco outras denúncias de golpes com envolvimento de criptoativos. O Brasil hoje é apontado como o sétimo maior mercado de criptoativos do mundo, segundo estudos de uma consultoria.

Durante o primeiro semestre, a Câmara dos Deputados aprovou em maio um projeto de lei que regulamenta o mercado de criptoativos e, entre outras ações, aponta a CVM como responsável pela fiscalização do setor. O projeto agora está em tramitação no Senado para poder virar lei, mas só deve ser votado, na mais otimista das hipóteses, após as eleições.

Quer investir em criptomoedas com segurança? Preencha este formulário para que um assessor da EQI Investimentos possa entrar em contato.

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias