Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
Sanepar (SAPR4) tem alta de 16% no lucro do 2TRI21

Sanepar (SAPR4) tem alta de 16% no lucro do 2TRI21

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

12 Ago 2021 às 22:17 · Última atualização: 12 Ago 2021 · 2 min leitura

Redação EuQueroInvestir

12 Ago 2021 às 22:17 · 2 min leitura
Última atualização: 12 Ago 2021

sanepar

A Sanepar (SAPR4) registrou alta de 16,4% no lucro líquido do segundo trimestre de 2021 (2TRI21).

O indicador passou de R$ 284,4 milhões (2TRI20) para R$ 331,8 milhões (2TRI21).

Sanepar (SAPR4): principais números do balanço do 2TRI21

Lucro líquido

  • Lucro 2TRI21: R$ 331,8 milhões
  • Lucro 2TRI20: R$ 284,4 milhões

Ebitda

  • Ebitda 2TRI21: R$ 581,9 milhões
  • Ebitda 2TRI20: R$ 472,1 milhões

Receita líquida

  • Receita 2TRI21: R$ 1,273 bilhão
  • Receita 2TRI20: R$ 1,150 bilhão

Ebitda tem alta de 23% no 2TRI21

O Ebitda da Sanepar (SAPR4) teve alta de 23,3% no 2TRI21. Assim, o indicador passou de R$ 472,1 milhões para R$ 581,9 milhões ao fim do segundo trimestre.

Já a margem Ebitda cresceu de 41,1% para 45,7%.

O aumento do desempenho do EBITDA ocorreu principalmente pelo crescimento de 10,7% da receita líquida e pela redução de 1,2% dos custos e despesas que impactam o EBITDA.

A geração de caixa operacional no 2T21 foi de R$581,9milhões, aumento de 23,3% em relação ao 2T20

Receita da Sanepar cresce 10%

A receita líquida da Sanepar (SAPR4) subiu 10,7%. Ou seja, cresceu de R$ 1,150 bilhão para R$ 1,273 bilhão.

O resultado financeiro da empresa cresceu de -31,7 milhões para -60 milhões.

As principais causas da variação do resultado financeiro foram o crescimento das despesas financeiras em 79,9%, principalmente em despesas com juros e taxas de financiamentos,   empréstimos, debêntures  e arrendamentos, passando de R$ 52,2 milhões para R$ 62,9 milhões entre o 2T20 e o 2T21, e em variações monetárias de empréstimos  e financiamentos, passando de receita de R$ 6,0 milhões no 2T20 para despesa de R$ 20 milhões no 2T21 decorrente do aumento da base de cálculo dos encargos financeiros em função da captação de debêntures (10ª e 11ª emissões) e do crescimento do IPCA em comparação ao mesmo período de 2020.

sanepar

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias