Economia
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
EUA: pedidos de auxílio-desemprego caem a 243 mil na semana, abaixo da previsão de 255 mil

EUA: pedidos de auxílio-desemprego caem a 243 mil na semana, abaixo da previsão de 255 mil

Osni Alves

Osni Alves

25 Ago 2022 às 09:52 · Última atualização: 25 Ago 2022 · 3 min leitura

Osni Alves

25 Ago 2022 às 09:52 · 3 min leitura
Última atualização: 25 Ago 2022

Imagem mostra um barista trabalhando.

Os pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos (EUA) caíram a 243 mil na semana, abaixo da previsão de 255 mil.

De acordo com o departamento de Trabalho do governo, o volume diz respeito à semana encerrada em 20 de agosto. Os dados foram divulgados na manhã desta quinta-feira (25).

O relatório traz, ainda, que na semana anterior foram revisados a 245 mil, de 250 mil, e a pesquisa diz respeito a dados ajustado sazonalmente.

Gráfico mostra evolução dos pedidos de auxílio-desemprego nos EUA.

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA

Em relação ao número principal, que indica recuo a 243, o volume diz respeito a uma redução de 2.000 do nível revisado da semana anterior. O nível da semana anterior foi revisado para baixo em 5.000, de 250.000 para 245.000.

Já a média móvel de 4 semanas foi de 247.000, um aumento de 1.500 em relação à média revisada da semana anterior.

O avanço da taxa de desemprego segurado sazonalmente ajustado foi de 1,0% para a semana encerrada em 13 de agosto, inalterada em relação à taxa não revisada da semana anterior.

O número de adiantamento para segurados ajustados sazonalmente durante a semana que terminou em 13 de agosto foi de 1.415.000, uma queda de 19.000 em relação ao índice revisado da semana anterior.

Gráfico mostra evolução dos pedidos de auxílio-desemprego nos EUA.

Departamento de Trabalho dos EUA

Ainda de acordo com o relatório, o nível da semana anterior foi revisado para baixo em 3.000, de 1.437.000 para 1.434.000. A média móvel de 4 semanas foi de 1.424.750, um aumento de 12.500 em relação à média revisada da semana anterior.

Já a média da semana anterior foi revisada para baixo em 750 de 1.413.000 para 1.412.250.

Dados não ajustados

Em se tratando de dados não ajustados, o número antecipado de reivindicações iniciais reais em programas estaduais totalizou 184.414 na semana encerrada 20 de agosto, uma queda de 3.039 (ou -1,6%) em relação à semana anterior.

Os fatores sazonais esperavam uma queda de 1.958 (ou -1,0%) em relação à semana anterior. Houve 298.791 reivindicações iniciais na semana comparável em 2021.

A taxa de desemprego segurado antecipado não ajustado foi de 1,0% durante a semana encerrada em 13 de agosto, inalterada em relação à semana anterior.

O avanço não ajustado do nível de desemprego segurado nos programas estaduais totalizou 1.417.342, uma queda de 6.451 (ou -0,5 por cento) da semana anterior.

Os fatores sazonais esperavam um aumento de 12.904 (ou 0,9 por cento) da semana anterior. Um ano antes, a taxa era de 2,1% e o volume era de 2.809.776.

  • Quer saber mais sobre o indicador de auxílio-desemprego dos EUA e aprender a investir? Clique aqui!
newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias