Educação Financeira
arrow-bc
Notícias
arrow-bc
InterCement (ICBR3): conheça uma das maiores fabricantes de cimentos do mundo, que faria IPO hoje

InterCement (ICBR3): conheça uma das maiores fabricantes de cimentos do mundo, que faria IPO hoje

Redação EuQueroInvestir

Redação EuQueroInvestir

16 Jul 2021 às 11:34 · Última atualização: 16 Jul 2021 · 7 min leitura

Redação EuQueroInvestir

16 Jul 2021 às 11:34 · 7 min leitura
Última atualização: 16 Jul 2021

InterCement

A InterCement (ICBR3) é uma das maiores fabricantes de cimento do mundo e referência no uso de combustíveis alternativos no processo de coprocessamento.

A empresa, que iniciou suas operações em 1974, em Apiaí (SP), entrou na fila de IPOs deste ano e faria a estreia nesta sexta-feira (16). Mas desistiu da oferta na última quarta (14), aguardando uma melhor oportunidade.

Além do cimento, a empresa fabrica e distribui agregados e cal, atua no serviço de concreto e emprega mais de 6 mil profissionais.

Com atuação em cinco países, Brasil, África do Sul, Argentina, Egito e Moçambique, a InterCement tem capacidade ativa de produção de mais de 33 milhões de toneladas de cimento/ano.

Vamos conhecer mais sobre a empresa?

Histórico da companhia

InterCement A empresa é controlada indiretamente pela InterCement Participações S.A. e consolida as operações de produção de cimento no Brasil. O Grupo InterCement, por sua vez, além da presença no mercado brasileiro, também atua na Argentina, no Egito, em Moçambique e na África com Sul e tem capacidade produtiva de 37 milhões de toneladas de cimento por ano em suas 33 unidades produtivas, contando com mais de 6.000 empregados e mais de 50 anos de experiência no setor.

A empresa é uma das companhias líderes em produção de cimento no mercado brasileiro, com capacidade instalada de 17,2 milhões de toneladas, sendo 12,2 milhões ativas e 5 milhões hibernadas, um volume de vendas consolidado total de cerca de 8,7 milhões de toneladas (em 2020) e 2,1 milhões de toneladas de cimento no período de três meses findo em 31 de março de 2021.

Segundo informações disponibilizadas pelo Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (SNIC), a InterCement foi responsável por aproximadamente 15% do volume total de cimento vendido no Brasil em 2020, posicionando-se como a segunda maior empresa de cimento do país, sendo uma das duas únicas que registram vendas em todas as regiões do Brasil, segundo o SNIC.

Estrutura da InterCement

As operações da companhia incluem 15 unidades produtivas de cimento, duas pedreiras de agregado e 19 fábricas de concreto, bem como 11 pedreiras de calcário estrategicamente localizadas, contando com uma capacidade de produção de aproximadamente 17,2 milhões de toneladas de cimento por ano.

Com unidades produtivas localizadas em quatro das cinco regiões do Brasil (Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste), a companhia cobre uma área equivalente a 59,6% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

As vendas da companhia estão relativamente alinhadas à distribuição do PIB por região. Sua base de clientes é altamente diversificada, sem que um único cliente represente uma parcela significativa da receita líquida consolidada total da companhia.

A InterCement trabalha com três marcas:

  • Cauê: marca com foco em clientes do Sul e Sudeste do Brasil. Possui portfólio completo para a obra, proporcionando força, resistência e durabilidade em diversas aplicações. Características representadas pelo Gavião Real, estampado nas embalagens desde a década 50. Produto distribuído no Sul e Sudeste do Brasil.
  • Goiás: marca com foco em clientes do Centro-Oeste. O produto é distribuído em Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e no Distrito Federal. É um produto forte e resistente, com versatilidade de aplicação. A marca Goiás tem a figura-símbolo do boi Zebu, uma raça que além do seu porte imponente, tem robustez.
  • Zebu: marca com foco em clientes do Nordeste. Como opção para diversas etapas da obra, o cimento Zebu caracteriza-se pela resistência, força e durabilidade. Sua embalagem traz a figura do Zebu, uma raça que além do seu porte imponente, se adapta ao clima quente e tem robustez. O produto é distribuído no Pará, Amazonas e todos os estados do Nordeste.

InterCement

Outras atividades da empresa

A InterCement possui ainda participações minoritárias em três ativos de geração de energia hidrelétrica, localizados nos estados do Tocantins, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Em 2019, a energia gerada através destas plantas foi responsável por mais de 74% do consumo total de energia consumida pela companhia, reduzindo custos e gerando benefícios fiscais nos impostos referentes a energia elétrica.

Em 2020, em detrimento de menores níveis de reservatórios de águas devido a menores níveis de precipitação no país, que impactou negativamente a geração de energia hidrelétrica, e acompanhado de uma retomada no volume de produção de cimento, o consumo total de energia da companhia que foi gerado pelos ativos foi de 52%.

Em 2014, a companhia criou a Amigo Construtor, a maior rede de construtores do país, que consiste em uma comunidade online que conecta construtores e oferece diversos treinamentos.

A iniciativa visa expandir a experiência de clientes por meio de um canal novo e inovador.

Através da plataforma, os usuários cadastrados podem compartilhar seus projetos, atrair novos clientes, receber treinamentos específicos para a construção civil além de consultar e fazer pedidos e contas a pagar.

Em abril de 2021, a página do projeto em redes sociais contava com mais de 44 mil seguidores no Instagram e 477 mil seguidores no Facebook, além de mais de 17 mil usuários registrados no website/aplicativo do Amigo Construtor.

Pontos fortes da InterCement

  • Mercado de cimento com enorme potencial de crescimento em um momento de melhora na estrutura do setor.
  • Plataforma nacional permite posicionamento diferenciado no setor.
  • Performance operacional que possibilita o crescimento sustentável com Capex marginal.
  • Rede comercial e de distribuição integrada e capilarizada.
  • Substituição da energia térmica por fontes alternativas de combustíveis menos poluentes.
  • Instalações de cimento e pedreiras de calcário estrategicamente localizadas.

Estratégia da InterCement

  • Fomentar cultura focada em rentabilidade sustentável e alta disciplina na alocação de capital;
  • Construir padrões ambientais e sociais elevados e aprimorar continuamente o sistema de gestão e governança;
  • Alavancar a plataforma operacional diferenciada, já estabelecida em nível nacional;
  • Maximizar a alavancagem operacional, levando a retornos crescentes;
  • Acelerar a transformação digital em toda a cadeia de valor da InterCement;
  • Continuar aprimorando uma gestão mais horizontal e inclusiva.

Fatores de risco da companhia

  • A extensão da pandemia da Covid-19, a percepção de seus efeitos ou a forma pela qual a pandemia continuará a impactar os negócios da InterCement depende de desenvolvimentos futuros que são altamente incertos e imprevisíveis e podem afetar adversamente seu negócio, sua condição financeira, seus resultados operacionais e fluxos de caixa.
  • A empresa pode não conseguir obter, manter ou renovar as aprovações, licenças e autorizações governamentais necessárias para a condução de seus negócios, ou enfrentar atrasos materiais na sua obtenção/renovação.
  • Resultados desfavoráveis em litígios atuais ou futuros envolvendo a companhia, suas controladas, seus administradores e/ou seus acionistas controladores podem resultar em perdas financeiras ou outras sanções, o que poderia reduzir a liquidez da empresa, além interromper ou limitar materialmente suas operações, afetando negativamente seu desempenho, seus negócios, sua condição financeira e sua reputação.
  • A InterCement está sujeita a eventuais disputas trabalhistas que podem afetá-la de maneira adversa e relevante.
  • Não é possível garantir que acidentes de trabalho nas atividades da companhia não acontecerão.

Sobre o IPO cancelado

O pedido de IPO foi feito pela InterCement em maio deste ano à CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

Mas, na última quarta-feira (14), no dia em que fixaria o preço por ação, a empresa cancelou a oferta.

Isso por que a empresa avaliou que não justificaria manter a oferta no múltiplo que o mercado estava disposto a pagar neste momento. A empresa esperava levantar até R$ 5,1 bilhões caso a oferta saísse no topo da faixa e as ações suplementares fossem vendidas. A faixa indicativa de preços variava de R$ 18,20 a R$ 25,50. A estreia em bolsa estava prevista para 16 de julho.

Os coordenadores do IPO são Bradesco BBI, Bank of America, Itaú BBA, JPMorgan e UBS-BB.

A oferta da InterCement seria totalmente secundária. Ou seja, seria feita a emissão de, inicialmente, 149.394.665 ações ordinárias de titularidade da holding InterCement Trading e Inversiones S.A.

newsletter
Receba informações exclusivas em seu email

Últimas notícias